Esqualano: como a Evolução do Composto Ajudou o Planeta (e a saúde da nossa pele)

Entenda como se deu a evolução do esqualano, composto desenvolvido por cientistas a partir da cana-de-açúcar.

Durante muitos anos, os produtos de beleza foram consolidados com esqualeno, uma substância orgânica que proporcionava uma umidade magnífica à pele humana, mas tinha um custo muito alto: milhões de tubarões eram mortos para que o composto fosse retirado de seus fígados.

Evolução do Esqualano

A caça de tubarões foi terrível para os ecossistemas oceânicos, já que eles dependem do predador, que faz parte do topo da cadeia da vida marinha. Por essa razão, os cientistas não pouparam esforços para desenvolver produtos com esqualano.

O que é esqualano? Ele foi criado a partir da cana-de-açúcar e é um hidratante vegano e ético. Além disso, sua combinação molecular é ótima para a umidade já presente na pele humana, o que o torna um hidratante bio-idêntico muito eficiente.

Esqualeno x crueldade

O esqualeno é produzido pelo corpo humano e desempenha papéis muito importantes, garantindo a preservação de funções vitais das células, como a renovação celular e a retenção da hidratação. No entanto, após os 30 anos, o organismo pára de produzi-lo gradativamente.

Durante um bom tempo, acreditou-se que só existiam duas maneiras de repor o esqualeno por vias cosméticas: a primeira era por meio de azeitonas, porém com um risco questionável no que dizia respeito à qualidade, que dependeria da forma de extração e até mesmo do clima.

E a segunda, infelizmente mais cruel e utilizada pela grande indústria, era a partir do óleo do fígado de tubarão. A maior parte do esqualeno extraído do fígado do tubarão era comprado por fabricantes de cosméticos.

A evolução do esqualano ecologicamente correto

Quando um grupo de cientistas da Amyris, empresa mãe da Biossance, recriou o esqualeno em laboratório de forma totalmente vegetal por meio da cana-de-açúcar renovável, tudo mudou.

A substância sustentável foi batizada como esqualano e, a partir dela, a Biossance passou a criar fórmulas limpas em diversos veículos, como cremes e séruns de funções múltiplas. Já há alguns anos no Brasil, a marca possui um portfólio de diversos produtos que têm o esqualano como a estrela principal.

Infelizmente, embora tenha diminuído consideravelmente, a extração do óleo originário do fígado de tubarão ainda ocorre, mas, devido à produção do esqualano, estima-se que aproximadamente dois milhões de tubarões deixam de ser mortos por ano.

Importância do esqualano para o meio ambiente

O componente que compõe cada gota do esqualano é a cana-de-açúcar renovável brasileira, que nutre, acalma e hidrata a pele sem prejudicar o meio ambiente. Além disso, ele é formulado por meio dos mais atuais métodos sustentáveis, totalmente livres de desmatamento, sem testes em animais e com baixo consumo de água.

Principais vantagens do esqualano para a saúde da pele

Veja os principais benefícios do esqualano para a sua rotina de cuidados com a pele:

  • retém a umidade essencial da pele e hidrata instantaneamente;
  • auxilia na proteção da pele e reduz sinais de irritação e vermelhidão;
  • melhora consideravelmente a firmeza da pele;
  • consegue equilibrar a oleosidade da pele e não bloqueia os poros;
  • minimiza a aparência de rugas e linhas de expressão.

Além disso, um estudo de autoavaliação feito pela Biossance com 84 mulheres com idades entre 25 e 60 anos que usaram o esqualano (por 28 dias consecutivos duas vezes por dia) obteve os seguintes resultados:

  • 95% afirmaram que a pele fica mais macia e suave após o sétimo dia de uso;
  • 95% disseram que a pele parece ficar imediatamente tratada;
  • 94% concordam que o produto é absorvido rapidamente pela pele.

Também confira sobre: Projeto 30 dias Magra Funciona Mesmo?

Com essas vantagens comprovadas, somadas ao caráter ecológico do produto, não há razões para não testá-lo.

123 Notícias

Outros artigos