Saiba a importância do protoboard em projetos com Arduino?

Neste artigo, abordaremos sobre a importância do protoboard em projetos com Arduino. Leia todo o conteúdo para compreender melhor o assunto!

importância do protoboard no Arduino

Em grande parte dos projetos realizados com Arduino, há a utilização de diversos componentes eletrônicos que exercem funções diferentes na implementação. Na maior parte dos casos, a conexão desses componentes diretamente na placa em si pode ser difícil ou até mesmo impossível devido ao espaço limitado. 

Portanto, uma das maneiras mais fáceis de contornar esse problema é utilizando protoboards, que são plataformas capazes de conectar componentes entre si e com a placa, organizando o projeto e possibilitando o uso de mais elementos no projeto. Tendo isso em vista, o texto a seguir tem como objetivo detalhar como uma protoboard funciona, quais seus benefícios e quando utilizá-la em seu projeto. E aí, bora lá?

O que é e qual a função da protoboard?

Protoboards nada mais são do que matrizes de contato que possuem diversos buracos capazes de realizar conexões entre si, basta inserir os conectores de qualquer componente eletrônico, ou até mesmo jumpers, nos buracos para confeccionar um circuito.

Geralmente, as conexões nas protoboards não são permanentes e podem ser facilmente desfeitas, porém, em certos casos, projetistas soldam as conexões dos componentes na protoboard para garantir uma conexão mais segura, o que as torna permanentes. 

As protoboards normalmente são utilizadas por iniciantes no mundo da eletrônica, pois ela facilita a implementação de projetos mais simples e são reutilizáveis.

Como utilizar uma protoboard

As protoboards em geral possuem duas áreas: a área onde são conectados os componentes em si, e a área onde são conectados o VCC e o GND

Geralmente, esta última localiza-se nas extremidades laterais da protoboard, sendo indicados por linhas azuis (VCC) e vermelhas (GND). Todos os pontos paralelos às linhas são interconectados, portanto basta conectar um desses pontos ao VCC ou GND da placa e todos receberão a mesma tensão. 

Já a área de conexão dos componentes é diferente. Geralmente, todos os pontos numa mesma linha horizontal (perpendicular às linhas que indicam o VCC e o GND) estão interconectados. É bom lembrar também que a maioria das protoboards são divididas no meio por uma pequena valeta, significando que os pontos de cada lado não se interconectam. 

Tendo essas informações em vista, é importante tomar cuidado ao conectar um componente ou uma tensão a protoboard, pois nunca se deve conectar um mesmo componente duas vezes numa mesma linha. Também deve-se tomar cuidado com as conexões de VCC e GND, por isso deve-se sempre seguir as orientações da própria placa para evitar confusões futuras.

Benefícios na utilização

    Como mencionado anteriormente, as protoboards são utilizadas em grande parte por iniciantes para a confecção de projetos mais simples, porém, devido a variação de tamanho das protoboards, elas podem muito bem ser utilizadas para projetos mais complexos também, tendo utilidade para engenheiros e projetistas mais experientes. Outra grande função das protoboards é testar novos componentes. 

Nesse caso, basta conectar o componente à matriz, aplicar uma tensão a ele e conferir se ele funciona. Por conta da protoboard, esse processo se torna mais fácil e seguro. 

Onde aplicar

A protoboard pode ser aplicada em diversos tipos de projeto. Por exemplo, ela pode ser utilizada para ensinar estudantes de eletrônica básica como um circuito funciona através de um projeto simples; também pode ser utilizada em projetos de automação residencial, ou de internet das coisas; pode ser usada em projetos de engenharia, no qual um circuito será desenvolvido e a placa servirá para organizar o espaço do circuito; dentre diversas outras funcionalidades.

Onde comprar uma protoboard

Antes de iniciar os projetos com Arduino, é fato que sua eficiência depende intrinsecamente da economia feita para confeccionar a implementação. Para isso, uma das maneiras mais adequadas para garantir uma redução nos custos da produção é a pesquisa de componentes e protoboards mais baratas no mercado.

Levando isso em consideração, uma das áreas em ascensão na internet são lojas de róbotica virtuais que comercializam componentes eletrônicos, como sensores, atuadores, placas microcontroladoras e até protoboards. 

Esperamos que você tenha gostado do post acima, e não esqueça de comentar abaixo! Seu comentário é super importante para nós da 123 Notícias

123 Notícias

Outros artigos