Terceira idade: Como evitar acidentes dentro de casa

A terceira idade é uma mudança no estilo de vida dos idosos. 

Portanto, não se espera que nosso corpo permaneça inalterado. Diminuição da força física e resistência, resposta lenta. Estes são apenas alguns sinais que podem ser sentidos. Portanto, o risco de acidentes familiares aumenta muito.

Com essa mudança no corpo, qualquer tarefa, mesmo que requeira apenas uma pequena quantidade de força física, pode acabar levando a um acidente. Portanto, é necessário que o idoso planeje e organize seu cotidiano para evitar possíveis incidentes.

Quer saber como evitar acidentes domésticos na terceira idade? Continue a leitura de nosso conteúdo para saber como se reajustar para tornar sua casa um ambiente confortável e com mais segurança.

Conheça os efeitos presentes na terceira idade

Com o passar do tempo e o início da velhice, o corpo e a vida cotidiana dos idosos sofreram mudanças tremendas. Essas alterações incluem diminuição da densidade óssea e da massa muscular, que podem ser ligadas à osteoporose e sarcopenia, respectivamente.

Como evitar acidentes na terceira idade
Imagem: pixabay

Todos os fatores anteriormente citados, tornam os idosos mais sujeitos a sofrerem acidentes domésticos. Além das consequências naturais da velhice (como perda de capacidade de resposta e equilíbrio), é extremamente importante reajustar o ambiente doméstico para torná-lo um local seguro e sem riscos.

Os cuidados relacionados à saúde na terceira idade são mais que uma dieta saudável e a adoção de um estilo de vida mais ativo. Porém, é necessário tomar precauções para proteger sua integridade física, pois o simples fato de pegar objetos de uma altura considerável já pode levar a uma queda.

Veja as melhores dicas para evitar acidentes domésticos na terceira idade

Confira a seguir, dicas úteis para evitar quedas e acidentes na terceira idade. Para milhares de pessoas, chegar à velhice com boa saúde física e mental é um verdadeiro privilégio. Afinal, depois de uma vida inteira de trabalho, é hora de se divertir, seja com sua família ou em uma clínica de idosos de boa reputação.

De modo a prevenir acidentes na terceira idade, iremos fornecer algumas dicas para ensiná-lo a evitar quedas ou acidentes domésticos com idosos.

Adapte a casa

Devido à ausência de cuidado no ambiente familiar, muitos acidentes familiares podem ocorrer. Casas bagunçadas, objetos espalhados, fios soltos e tapetes desatualizados são alguns dos fatores de risco para a vida dos idosos.

É necessário organizar os móveis de todos os cômodos da casa com muito cuidado. Também se recomenda a contratação de uma desentupidora em Cubatão (ou em uma localização mais próxima da residência) para evitar problemas futuros relacionados ao encanamento de esgoto e água. 

Aqui estão algumas dicas sobre como tornar o ambiente doméstico mais seguro para a terceira idade:

  • Evite armários e prateleiras muito altas;
  • Não deixe fios soltos pela casa;
  • Para os tapetes, use a opção antiderrapante ou fixo no chão;
  • Preste atenção aos cantos e móveis inadequados;
  • Tenha cuidado para não deixar coisas espalhadas pelo chão do cômodo.

Tomar medidas preventivas pode reduzir muito o risco de acidentes domésticos com idosos. Porém, para os idosos e mais debilitados, a família desempenha papel fundamental no cuidado ao idoso.

Recomenda-se manter o caminho desobstruído para que o idoso possa percorrer toda a casa sem encontrar objetos inadequados que possam comprometer sua integridade.

Atenção redobrada com os locais desníveis e com escadas

É muito comum haver desníveis e escadas dentro e também fora de casa. 

O problema é que os idosos podem ter mais dificuldade para se locomover nos espaços deste tipo. Portanto, é necessário cuidados intensivos neste ponto. Para evitar acidentes, cada escada deve ter corrimão resistente para dar o suporte necessário.  

Também é de muita importância melhorar a iluminação ou mesmo aumentar a diferenciação de cores entre uma etapa e outra da escada. Isso evita mais tropeções e quedas.

Quanto aos desníveis, não devem ser muito altos, pois, podem gerar a necessidade de esforço excessivo. 

Ao mesmo tempo, devem ser fáceis de identificar para evitar acidentes por falta de atenção. Se possível, vale a pena considerar a redução da exposição a tais estruturas. Por exemplo, se a residência possui dois andares, a melhor opção é para os idosos, principalmente nas áreas mais baixas. 

Portanto, existem menos riscos associados à vida diária.

Incentive a adoção de uma vida mais ativa

Quando os idosos não são ativos o suficiente, sua saúde será afetada negativamente. Em consequência, o tônus ​​muscular diminui e o risco de quedas aumenta. Portanto, o ideal é estimular o idoso a se exercitar constantemente no dia a dia. 

O simples hábito de andar pela casa já pode ser de grande valia para a melhora da circulação sanguínea e o funcionamento geral do sistema. 

Por exemplo, se os idosos saem de casa, eles precisam estar cientes de calçadas irregulares ou ambientes inacessíveis. Sempre que possível, monitorar os idosos, pode  ser de grande ajuda para melhorar o nível geral de proteção

Invista em uma boa iluminação

Uma iluminação de qualidade é essencial. Mesmo que seja para usar durante o dia, um ambiente escuro pode causar acidentes. Manter a casa iluminada ajuda o idoso a perceber objetos no chão, cantos e irregularidades que podem causar uma queda.

Além disso, outro método para evitar acidentes na terceira idade, é instalar sensores de iluminação em toda a casa. Isso suprimirá automaticamente a possibilidade de um ambiente escuro. Se essa opção não for viável, a abordagem ideal é instalar o interruptor em um local planejado e facilmente acessível.

Nada de pisos encerados ou escorregadios

Mais um vilão responsável por parte das quedas dos idosos ou acidentes domésticos são pisos escorregadios e encerados. Podem ser armadilhas eficientes para os idosos caírem, e isso não é o que queremos, justamente por serem mais propensos a escorregar, por isso as casas com idosos devem sempre optar por pisos antiderrapantes e evitar o uso de modelos mais lisos.

Se atente aos calçados e roupa dos idosos

Para a prevenção de acidentes na terceira idade, a escolha da roupa requer atenção especial. Afinal, certos componentes aumentam o risco de acidentes, portanto, é preciso evitar. Os idosos são aconselhados a usar sapatos resistentes, confortáveis ​​e ergonômicos, mesmo em ambientes fechados. Andar descalço, usar chinelos leves ou meias irá reduzir a segurança de andar. 

Já as roupas precisam ter o comprimento certo, e não deve haver detalhes que atrapalhem o andar. Por exemplo, uma calça muito grande ou muito larga pode se ficar presa em algo e causar perda de equilíbrio. Por outro lado, tiras soltas podem se enrolar nas pernas, bengalas ou andadores.

123 Notícias

Outros artigos